Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A facilidade com que um sorriso é substituído por uma lágrima é incrível, estamos felizes, estamos bem connosco e com o mundo e num ápice tudo isto se desmorona e dá lugar à incerteza, ao medo, à insegurança – dizia ela enquanto soluçava, ao mesmo tempo limpava as lágrimas que lhe corriam pelo rosto – tinha perdido tudo em míseros minutos, a sua confiança, a certeza, a vontade de sorrir. Tudo isto dera lugar ao medo, à desconfiança, à incerteza… e como poderia reaver todos os pensamentos positivos se ele não se chegava perto dela para lhe dizer “és tu quem eu quero, deixa o medo, vamos ser felizes”, não se aproximou, não se preocupou, não se esforço…quando a tristeza chega ao coração é necessário mais que simples palavras, escritas via electrónica – um abraço, um sorriso, um “eu estou aqui”, são gestos tão simples e são os necessários nestas situações.

As lágrimas continuam a correr por mais que ela se esforce em contê-las. Ela só quer ser reconhecida, só quer sentir-se amada, saber que é a única na vida dele, o medo dominou-a e já não acredita em nada, tudo porque viu o que não quis, porque viu todo um passado sofrido ao rever alguém que a magoara tanto. Teme porque todo o passado, mais parece um futuro próximo, como sempre aconteceu.  Ela só quer que seja diferente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:47



Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Fevereiro 2012

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
26272829




Links

Caixinha de segredos